Awesome Everywhere!

Congo, the Democratic Republic of the

Bukavu

United Arab Emirates

Dubai

United States

Alamance County, NC

Alaska

Ann Arbor, MI

Asheville, NC

Atlanta, GA

Austin, TX

Baltimore, MD

Bend, OR

Birmingham, AL

Boston, MA

Boulder, CO

Buffalo, NY

Cass Clay

Chicago, IL

Denver, CO

Detroit, MI

Gloucester, MA

Indianapolis, IN

LA South Bay, CA

Los Angeles, CA

Louisville, KY

Madison, WI

Miami, FL

New York City, NY

Newburgh, NY

North Minneapolis, MN

Northampton, MA

Northern Virginia (NOVA)

Oahu, HI

Oakland, CA

Oklahoma City, OK

Orlando, FL

Philadelphia, PA

Piqua, OH

Pittsburgh, PA

Plano, TX

Port Washington, NY

Portland, OR

Poughkeepsie, NY

Raleigh-Durham, NC

Rochester, NY

Rockport, MA

San Antonio, TX

San Francisco, CA

San Jose, CA

Santa Fe, NM

Seattle, WA

South Bend, IN

State College, PA

Tallahassee, FL

Twin Cities, MN

Washington, DC

Youngstown, OH

Lutando e Vencendo com o Jiu Jitsu

Lutando e Vencendo com o Jiu Jitsu é um projeto que utiliza a arte do jiu jitsu como ferramenta de empoderamento e disciplina para crianças que vivem em situação de vulnerabilidade social.

José Rodrigues de Araújo Filho, autor do projeto que vem sendo implantado desde 2013, viu no jiu jitsu uma oportunidade de aprender sobre disciplina e respeito, o que, segundo ele, foi o que viabilizou a realização de seu sonho de ser policial. José Rodrigues concluiu que essa mesma oportunidade poderia ser de grande valia para outras crianças de seu bairro, como um caminho inclusive para fugir da violência e do mundo do crime. Com essa motivação, movimentou esforços e, depois de anos de tentativas diversas, conseguiu algumas parcerias para abrir uma academia e adquirir os equipamentos, sendo que o custeio da academia parte mesmo do seu salário de Policial Militar.

Novos recursos para o projeto seriam utilizados para a compra de quimonos para as crianças, inscrições em campeonatos e transporte. Segundo José Rodrigues, “falta muito a ser feito, mais espero que Deus possa me dar a alegria de ver essas crianças bem”.

Segue relato do autor sobre o projeto:

Fui nascido e criado em um bairro pobre e, como é normal nestes lugares, muitos amigos meus entraram para o mundo das drogas ou foram assassinados. Como eu era muito levado, minha mãe me colocou no Jiu-Jitsu; mesmo sem condições para pagar a mensalidade, meu professor me aceitou, o que me ensinou a ter disciplina ajudando assim a alcançar meu sonho que era ser policial, sonho este alcançado no de 2006. Muitos amigos meus e meu irmão mais novo se envolveram com o mundo do crime, sendo meu irmão assassinado aos 22 anos de idade no ano de 2008. Com a morte de meu irmão, minha mãe entrou em depressão eu acabei também sofrendo muito com essa perda, pois nossa família sempre lutou para que ele mudasse de vida, mas como diz o ditado " os dedos das mãos não são iguais aos dos pés". Como sofri e vi todo o sofrimento de minha família e das famílias de meus amigos de infância que estavam mortos ou presos, decidi então tentar mudar a história de meu bairro, foi então que procurei a Vereadora de meu bairro e apresentei a ela o projeto, mostrando quanto seria bom para as crianças e jovens da comunidade que não tinham um local de lazer para poderem usar. Infelizmente, a vereadora não deu crédito ao meu projeto e não me apoiou, o que me deixou muito triste, e me fez deixar um pouco de lado este sonho. No ano de 2010, voltei a treinar jiu-jitsu, agora na academia de um amigo que também tinha um Projeto Social e lá pude ver o quanto o jiu-jitsu ajudava as crianças carentes, assim como um dia me ajudou, o que reacendeu a minha vontade de implantar o projeto de jiu-jitsu em meu bairro, porém todos os materiais eram caros e não tínhamos local para iniciar os treinos. No ano de 2013, decidi iniciar o projeto mesmo com todos os obstáculos acima citados, arcando com parte do dinheiro, também pedi ajuda a empresários e amigos, conseguindo então comprar nosso tatame. Assim começa o nosso projeto Social Lutando e Vencendo com o Jiu Jitsu na Rua do Ouro."

Funded by Minas Gerais (August 2016)

Recent Posts