¡Impresionante dondequiera!

Congo, the Democratic Republic of the

Bukavu

United Arab Emirates

Dubai

United States

Alamance County, NC

Alaska

Ann Arbor, MI

Asheville, NC

Atlanta, GA

Austin, TX

Baltimore, MD

Bend, OR

Birmingham, AL

Boston, MA

Boulder, CO

Buffalo, NY

Cass Clay

Chicago, IL

Detroit, MI

Gloucester, MA

Indianapolis, IN

LA South Bay, CA

Los Angeles, CA

Louisville, KY

Madison, WI

Miami, FL

New York City, NY

North Minneapolis, MN

Northampton, MA

Northern Virginia (NOVA)

Oahu, HI

Oakland, CA

Oklahoma City, OK

Orlando, FL

Philadelphia, PA

Piqua, OH

Pittsburgh, PA

Plano, TX

Port Washington, NY

Portland, OR

Poughkeepsie, NY

Raleigh-Durham, NC

Rockport, MA

San Antonio, TX

San Francisco, CA

San Jose, CA

Santa Fe, NM

Seattle, WA

South Bend, IN

Tallahassee, FL

Twin Cities, MN

Washington, DC

Youngstown, OH

Promoção da saúde para as profissionais do sexo

A Associação de Prostitutas de Minas Gerais (Aprosmig) é uma entidade sem fins lucrativos que atua nas áreas de promoção da cidadania e busca por direitos das mulheres profissionais do sexo, segurança no trabalho e reconhecimento da profissão. Dirigida exclusivamente por prostitutas, a Aprosmig visa ampliar a discussão sobre os direitos e luta contra o estigma e o preconceito que envolvem a atividade de prostituição.

Desde a fundação da Aprosmig, a associação tem como uma de suas ações a promoção da saúde entre as profissionais do sexo por meio da distribuição de preservativos sexuais, materiais informativos e realização de palestras sobre DSTs/AIDS e Hepatites Virais. Além disso, a APROSMIG desenvolve atividades lúdico-políticas para fortalecer a autoestima e a auto-organização das profissionais do sexo, valorizando elementos culturais vinculados ao trabalho sexual.

Para ampliar o impacto das ações de promoção da saúde, queremos fortalecer a "Campanha Saúde nas Esquinas: uma puta transa de direitos". Esta é realizada pela Rede Brasileira de Prostitutas (da qual a associação faz parte) e foi elaborada durante maio, em uma oficina democrática e plural. Foram produzidas fotografias, peças gráficas, depoimentos em vídeo, etc.

Essa campanha ocorre a nível nacional, porém não chegou em Belo Horizonte. Queremos distribuir este material nos 28 hotéis da Guaicurus e realizar palestras cujo objetivo é tornar as prostitutas multiplicadoras das ações de prevenções, ou seja, elas são orientadas a como conscientizar os seus clientes sobre o tema. Nas palestras será usada, também, a metodologia de abordagem entre os pares.

Fondos becados por Minas Gerais (June 2016)